Alimentos Perigosos para Crianças Pequenas

A alimentação é fundamental para todos nós, ele é o elemento chave para nos manter vivos e saudáveis. Para isso existem hoje em dia muita informação e detalhes importantes sobre qual tipo de alimentação fornece cada um dos nutrientes necessários, assim como qual a quantidade que necessitamos desses nutrientes.

No que se refere à alimentação infantil, a importância é ainda maior, pois além de sobrevivência e da manutenção da saúde.

Existe ainda a preocupação com o desenvolvimento psicossocial e cognitivo, e como o crescimento, tanto no que se relaciona a tamanho, como no desenvolvimento corporal, como a capacidade de desenvolver músculos e ossos completos e saudáveis.

Isso tudo torna a alimentação infantil algo capaz segundo diversos estudos, de definir inclusive qual vai ser o futuro da criança, já que até mesmo a evolução humana tem bastante a ver com e que nossos ancestrais comiam.

Alimentos que Não Deve Dar às Crianças

Se uma criança se alimentar de maneira errada, pode desenvolver doenças em qualquer fase da vida, assim como ser menos capacitada física, social, e mentalmente. Por exemplo, uma pessoa que tenha comido apenas fastfood se comparada à outra que tenha tido desde sempre uma dieta equilibrada, vai viver menos, e ter menos capacidade, inclusive intelectual.

Este artigo se dedica a dizer quais alimentos podem prejudicar o melhor desenvolvimento do seu filho, para que você dê a ele as ferramentas nutricionais necessárias para fazer dele alguém mais capacitado e preparado para enfrentar a vida adulta.

Balas

As balas são muito ruins não apenas para os dentes da criança, como também para o fornecimento de nutrientes, pois são muito pobres nutricionalmente e são ricas em açúcar refinado, que aumenta o peso e pode provocar diabetes na idade adulta.

Essas balas são ricas ainda em corantes artificiais, saborizantes artificiais, e conservantes, todos produtos que prejudicam a pele e podem até causar câncer, diabetes e outras doenças.

Oleaginosas

Alguns alimentos oleaginosos como as nozes, castanhas e amendoim podem conter um fungo chamado aflatoxina, que pode provocar lesões no fígado.

Portanto, não dê esses alimentos para crianças pequenas, pois o fígado é fundamental para o bom desenvolvimento, já que é responsável por diversas funções nutricionais e antitoxinas.

Bolachas recheadas

As bolachas recheadas industrializadas são ricas em sódio, que pode causar pressão alta, açúcar, e gorduras, que podem aumentar o peso e prejudicar o desenvolvimento.

Até um ano de idade, esse alimento é totalmente vetado por todos os especialistas na área de cuidados infantis.

Frutos do mar

Mesmo que o seu filho não seja alérgico a frutos do mar, é melhor não dar esse tipo de alimentos para crianças com menos do que um ano, pois como o sistema imunológico deles é muito frágil ainda, podem ocorrer reações, como erupções e coceira, além de inchaços.